Quercus Suber yamadori

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Quercus Suber yamadori

Mensagem  Vitor Meireles em Dom Abr 25, 2010 2:36 pm

Este sobreiro, é uma das poucas plantas que tenho, que poderá ter um futuro promissor.
Foi recolhido a 9 de Janeiro e encontrava-se entalado entre dois penedos. Ficou com muito poucas raizes e por algum tempo (demais) com uma massa verde muito volumosa.
Foi me dito depois que esta espécie é um pouco ingrata, que a época de recolha era de todo inapropriada, e que pelo facto de ter deixado tamaha massa verde teria criado um problema grave a nivel radicular.
Ficou desde a recolha numa garagem aberta e agora está com rebentos pelo tronco todo...





Já me deram uma opinião acerca do tratamento que deveria dar ao sobreiro, que seria deixar crescer todos os brotes sem mexer em nada e começar a adubar de uma forma gradual todos os meses e ao fim de dois anos se a planta se encontrar com vitalidade começar a aramar e dar forma...
Tenho é uma pequena dúvida, os brotes que se encontram no Tachiagari, se os deixar crescer por muito tempo, depois quando os for cortar, não será dificil disfarçar os cortes? Exclamation
avatar
Vitor Meireles

Mensagens : 11
Data de inscrição : 06/11/2009
Idade : 30
Localização : Carvalhosa - Paços de Ferreira

http://experienciabonsai.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Bruno António em Dom Abr 25, 2010 4:53 pm

Olá Vitor,

Tens aí um quercus interessante, com um tachiagari muito "movimentado". Smile
A recolha, pelo que tenho lido e visto, foi de facto cedo demais... mas a planta respondeu bem, o que é relativamente fácil, pois são plantas que guardam muitas energias... Vai mantendo-a à sombra, mas com muita luz, e começa a adubar com adubo orgânico em quantidades moderadas, podendo ainda utilizares um estimulador de raizes... tem muita atenção à rega, principalmente agora com a chegada do calor. Se não o fizeste também não era má ideia usares um produto preventivo fitossanitário, regando as raízes com o Previcur (da Bayer), por exemplo.
Em meados de Fevereiro também recolhi 3 quercus suber, fiz isto que disse e as plantas estão com grande força, mas elas são muito "traiçoeiras" e de um momento para o outro podem morrer sem mais nem menos... Rolling Eyes e isso acontece às vezes até com pessoas muito experientes.
Acho que devias podar completamente esse ramos mais finos, tanto ao logo do tronco, como no topo... e cortar esses rebentos mais baixos (que saberás que nunca vais dar uso) para que a planta canalize as energias para o topo, apenas onde é necessário.

Aguarda outras opiniões, pois eu ainda sou muito inexperiente... Embarassed
Wink
avatar
Bruno António

Mensagens : 240
Data de inscrição : 22/01/2010
Localização : Leiria

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Nuno Encarnação em Seg Abr 26, 2010 4:40 am

Viva, Vitor!

Os sobreiros são uma espécie muito traiçoeira e a sua resposta engana bastante. Para mim, apenas quando tens rebentação pela 2ª vez é que podes ter algumas garantias de que a planta esteja a recuperar. A primeira rebentação pode ser apenas com base nas reservas que a planta já possuí, mas não chegar a lançar novas raízes, secando posteriormente toda essa mesma massa verde.

Eu tenho um sobreiro que recolhi em Março de 2009. Até Outubro esteve parado, mas nessa altura começaram a surgir brotos em todo o tronco, pelo que pensei que a planta afinal estava a recuperar. Em Novembro, teve um pequeno acidente, pois o gato do meu vizinho (que gostava muito de ir passear para o quintal) deitou o vaso ao chão, tendo tido necessidade de colocar num vaso novo naquela altura. Quando o envasei novamente, reparei que não tinha raízes finas novas naquele momento, pelo que esta rebentação se estava a dar com as reservas anteriores da planta. Coloquei-o na mesma em local resguardado, com os cuidados habituais do pós transplante, mas embora me tenha parecido que tinha recuperado, lançando brotos de +- 20 cm, a verdade é que agora começou a secar toda essa folhagem nova.

Assim, a única coisa que te posso dizer é esperar e rezar para que ele recupere. Se fosse a ti, não tirava rebentos agora, mesmo os da base, pois eles podem ajudar à produção de novas raízes que é o que interessa agora. Não tem muita importância a questão das forças da ramificação, pois o que tens de garantir é a sobrevivência da planta.

Nuno Encarnação

Mensagens : 147
Data de inscrição : 06/11/2009
Idade : 41
Localização : Portimão

http://al-garb-bonsai.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Convidad em Seg Abr 26, 2010 7:20 am

Olá Nuno,

Sugiro que cortes o tronco 2cm (margem segurança) acima do rebento que está depois da primeira curva. Esse rebento será o futuro ápice. Deves usar selante no corte. Futuramente (usando a primeira foto como refª.) a árvore deve ser inclinada para a esquerda e ficas com um razoável moyogi shohin.

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Mario Eusebio em Ter Abr 27, 2010 2:20 am

Viva!

Deixa ganhar massa verde para potenciares a criação de novas raízes. Massa verde= + Clorofila => Produção de raízes.

Podes também optar por cortar por onde diz o Ivo, apenas isso...e deixa crescer livre.

Para o ano podes começar a pensar em fazer alguma coisa, mediante a reacção da árvore.

É preferível andar mais devar , dado a espécie que é, mas assegurares o futuro a médio prazo.

_________________
Cumprimentos

Mário Eusébio

Mario Eusebio

Mensagens : 1076
Data de inscrição : 27/10/2009
Idade : 44
Localização : Porto

http://marioeusebio.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Henrique Leite em Ter Abr 27, 2010 4:00 am

Ola Victor.

Em relação as tuas duvidas com sobreiro, tens uma boa arvoré e com uma curva "curiosa" logo no inicio, mas agora ele esta numa face que o que precisa é mesmo não lhe mexeres ja que como ja foi dito e bem é uma especie "Traiçoeira" ja que a primeira brotação após a recolha ele faz com os nutrientes e a seiva que tinha acumulada no seu interior.

Por isso o meu conselho se não queres perder esta bela arvore, não lhe faças nada ja que a pressa é a grande enimiga dos sobreiros, começa a adubar depois do segundo mês apos a recolha e no segundo ano da ahi sim começa a dar lhe uma estilização como deve ser.

Este é o meu conselho ja que felizmente ja me pasaram alguns sobreiros pelas mãos!!!

Cumprimentos
Henrique Leite

Henrique Leite

Mensagens : 161
Data de inscrição : 21/01/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Convidad em Ter Abr 27, 2010 4:48 am

Quanto ao corte, se for essa a tua opção, podes fazê-lo com segurança. Dessa forma potencias o crescimento da árvore para as zonas pretendidas. Por outro lado reduzes sobremaneira a quantidade de ramos que a árvore precisa alimentar.

Nos sobreiros, como nos quercus em geral, o aspecto mais importante é o bolo radicular aquando da recolha. É óbvio que se a planta foi recolhida com poucas raízes, é bem provável que esteja a rebentar apenas e só das energias acumuladas. Os sobreiros são de lento desenvolvimento radicular, por isso os transplantes devem ser bem espaçados em tempo. Um outro aspecto importante é o tipo de solo que usas. Os sobreiros precisam de acidez nos substractos - 30% do substracto deve ser ou uma boa turfa ácida, ou casca triturada de pinus ou se estiver disposto a pagar um pouco mais, kanuma. Uma outra regra que leva muito boa gente a matar desalmadamente sobreiros é ficarem entusiasmados com o crescimento vigoroso e podarem a planta de forma sistemática. Os sobreiros (como qualquer espécie) precisam de estar no mínimo um ano a crescer livremente - segue-se a primeira poda e novo ano a crescer livremente. Como o Mário disse isso potencia em simultâneo o crescimento radicular. Por isso reafirmo a minha sugestão - corta pelo sítio indicado, sela o corte e durante 1 ano, pelo menos, limita-te a cultivar bem a planta.

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Pedro G C Almeida em Ter Abr 27, 2010 6:28 am

Olá Pessoal,

My two cents...

Antes de começar, tenho que dizer que não tenho experiência de yamadori com sobreiros. O que vou dizer são apenas considerações genéricas que devem poder ser aplicadas a este caso particular.

Penso que é capaz de ser tarde demais para fazer grandes cortes. Se o sobreiro estiver neste momento a lançar pequenas e frágeis raízes novas o mais provável é que a vibração provocada por um corte com serra as destrua por completo e isso seria um tremendo passo atrás.

Por outro lado, como a árvore está a rebentar, vai produzir apenas as folhas que forem necessárias; se as folhas já existissem na altura da recolha então aí seria importante remover alguma massa verde para equilibrar as coisas. Não vejo utilidade em cortar agora aquilo que é desnecessário ao desenho final. Aqui estou com o Mário, mais folhas nesta fase = maior capacidade para produzir raízes.

Eu não lhe tocava mais antes de 2011.

Um abraço,
Pedro
avatar
Pedro G C Almeida

Mensagens : 460
Data de inscrição : 27/10/2009
Idade : 38
Localização : Funchal/Madeira

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Convidad em Ter Abr 27, 2010 7:03 am

Pedro,

O tema não se presta a muitos mais post's - o dono decide e tudo bem por nós Very Happy
Agora tenho por norma não fazer considerações quando não tenho experiência no tema. Utilidade no corte? Canalizar todo o vigor para os ramos que interessam ao desenho final. Como efectuar o corte? Isso vai do cuidado do dono. Eu efectuo cortes "cirúrgicos" com uma serra fina japonesa e o abalo sobre as raízes é nulo.

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Pedro G C Almeida em Ter Abr 27, 2010 7:51 am

Olá Ivo,

Obrigado pelos teus esclarecimentos... Smile

Posso não ter experiência com yamadori de sobreiro em particular, mas sei que mesmo com uma serra fina japonesa (que eu também tenho) não consigo abalo nulo sobre as raízes. Se calhar não seguro bem o tronco. Smile

Utilidade no corte? Canalizar todo o vigor para os ramos que interessam ao desenho final.

Eu disse que não via utilidade no corte agora, e continuo a não ver (e isto não tem nada a ver com ter ou não experiência com yamadori de sobreiros, é uma questão relacionada com a transformação de material em bruto). Reconheço, claro, utilidade no corte na altura da recolha, neste momento penso que só será prejudicial e eu não o faria. Repara que dizer que não vejo utilidade no corte é muito diferente de dizer que não há utilidade no corte; eu normalmente abdico de falar de forma tão autoritária, com ou sem experiência. Wink

Finalmente:

Agora tenho por norma não fazer considerações quando não tenho experiência no tema.

Nunca falo por falar. Smile Neste caso particular senti que a minha falta de experiência no yamadori com sobreiros (não existem cá na Madeira) não me impedia de fazer observações genéricas que ficariam à consideração dos utilizadores, aliás, comecei o post esclarecendo isso mesmo. Lembra-te que não comecei a fazer bonsai ontem. Wink

Um abraço,
Pedro


Última edição por Pedro G C Almeida em Ter Abr 27, 2010 8:52 am, editado 5 vez(es) (Razão : conseguir maior clareza na exposição; evitar mal-entendidos)
avatar
Pedro G C Almeida

Mensagens : 460
Data de inscrição : 27/10/2009
Idade : 38
Localização : Funchal/Madeira

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Mario Eusebio em Ter Abr 27, 2010 8:23 am

Viva!

Ivo, desculpa mas essa do corte cirurgico não me convence, ambos sabemos muito bem que fazer um corte longitudinal no tronco por melhor que seja a serra e mesmo tendo várias pessoas a segurar abala sempre a planta...nem mesmo com motoserra se consegue que o tronco fique estáctico! Mais, a melhor forma de manter estável a planta é no momento do envase ter sido bem segura com arame de calibre adequado e não estou a ver a bacia de plástico proporcionar ancoragem e estabilidade suficiente a um corte seguro sem abalar.

Agora a verdade e a realidade é que tendo em conta que sendo um sobreiro é provavel que nem uma raiz fina , nano, mini, micro Laughing tenha ainda criado para que seja passivel de ser abalada e como tal o corte pode ser feito á vontade que não haverá esse problema.

Se fosse eu , faria o corte, pelos motivos que o Ivo referiu, os rebentos que estão abaixo em breve vão ter mais de meio metro e serão mais do que suficientes para criar as ditas raízes. Além disso, resolveriam o problema sério de falta de conicidade que a planta tem acima desse ponto, podendo desde logo ser orientado uma nova continuação do tronco.

_________________
Cumprimentos

Mário Eusébio

Mario Eusebio

Mensagens : 1076
Data de inscrição : 27/10/2009
Idade : 44
Localização : Porto

http://marioeusebio.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Pedro G C Almeida em Ter Abr 27, 2010 10:14 am

Mário,

Mais, a melhor forma de manter estável a planta é no momento do envase ter sido bem segura com arame de calibre adequado e não estou a ver a bacia de plástico proporcionar ancoragem e estabilidade suficiente a um corte seguro sem abalar.

Concordo contigo, é realmente a melhor forma. Mas ainda assim... mesmo que prendas bem o tronco com arames, ao meteres uma serra, por mais fina que seja (até podia ser um bisturi) o tronco vai-se portar como uma alavanca (interfixa, para quem se interessa por essas coisas). Isto é pura física: quanto mais longe for o corte do local onde os arames fixam a planta, maior será a amplitude da vibração das raízes; o mesmo se aplica às raízes - quanto mais longe estiverem elas do ponto fixo do tronco, maior será a sua amplitude de vibração quando se serra o tronco.

Ou seja, mesmo usando este método para fixar a planta não consegues impedir que a parte mais baixa do tronco, que está dentro do substrato, sofra abalos que podem ser prejudiciais às raízes finas. Posso provar matematicamente que nestas condições é impossível garantir abalo nulo sobre as raízes e posso mostrar essa prova aqui, caso haja interessados. Very Happy

Se me dizes que a probabilidade de este sobreiro ter raízes finas novas é muito reduzida (e esta tua afirmação tem por base a tua experiência a fazer yamadori de sobreiro)... o caso muda de figura e em relação a isso nada posso (nem quero) argumentar. Smile

Um abraço,
Pedro
avatar
Pedro G C Almeida

Mensagens : 460
Data de inscrição : 27/10/2009
Idade : 38
Localização : Funchal/Madeira

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Convidad em Ter Abr 27, 2010 11:43 am

Mário,

Fazemos cortes do género semana após semana e concordas certamente que o abalo (a existir) não é suficiente para prejudicar a planta. É uma questão básica, eliminar de início aquilo que não é necessário em prol do desenho final - tu e eu sabemos isso (aliás tu afirmas isso no teu último post). Como a recolha é recente, pensamos os 2 da mesma maneira - já devia ter sido cortado, se não foi, que seja feito agora que ainda vai a tempo e certamente não abalará em nada a planta.

Pedro,

Quem tem usado a "palavra" como arma de arremesso neste fórum não sou eu. Eu apenas limitei-me a ser um "utilizador participativo" por dar uma opinião sobre o tema. A menos que além da minha regularidade de participação queiras igualmente controlar o teor dos meus comentários.

O que ainda não percebi foi o dimensionamento desta questão - o dono quer corta, não quer não corta! Eu dei a minha opinião, tu deste a tua e agora cabe-lhe a ele decidir. Não a vale a pena escoar argumentos!

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Vitor Meireles em Ter Abr 27, 2010 2:01 pm

Bem,parece que o meu primeiro tópico apimentou as coisas... lol!

Desde já quero agradecer a todos as suas opinões, e dizer que ainda não decidi nada em concreto... Alguns dos utilizadores deste forum já me conhecem e sabem que os meus conhecimentos a nivel de plantas e bonsai é praticamente zero, daí ter feito tanta asneira com este sobreiro e de momento a única coisa que quero é "vingar" esta árvore e não, de todo, arranjar conflitos entre utilizadores!

Ivo:

SE for para cortar, se percebi é para serrar logo a seguir a curva do Tachiagari, reduzir o tronco a 1/3 ?!
Mas haverá outro problema! Na altura ficou com uma raiz um pouco longa da grossura do tronco de onde saem as poucas raizes que ficaram! Neutral Ao reduzir o tamanho da planta vou ter de reduzir mais tarde o tamanho do vaso e essa raiz não vai ajudar muito...

SE for para serrar, poderá ser em junho, daqui a um mês Question ( Já vi que vou tarde, que devia ter feito logo na recolha mas na altura com a tamanha massa verde que tinha nem me ocorreu tal coisa... ) Será que pode esperar mais um pouco ou se for para cortar tem de ser já Question

Mais uma vez obrigado a todos pelas opiniões...
avatar
Vitor Meireles

Mensagens : 11
Data de inscrição : 06/11/2009
Idade : 30
Localização : Carvalhosa - Paços de Ferreira

http://experienciabonsai.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Convidad em Ter Abr 27, 2010 4:08 pm

Podes cortar já. Sela o corte.

Aqui fica a minha sugestão para a inclinação final e zona do corte. Dás a margem de segurança que indico a vermelho e assim evitas que o rebento (futuro ápice) venha a secar. Futuramente quando a planta estiver bem forte trabalhas com máquina a zona do corte criando conicidade.

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Quercus

Mensagem  David Carvalho em Ter Abr 27, 2010 5:15 pm

Olá a todos,

Até ao momento optei por não intervir, pois não quero em nada arranjar problemas no forum nem criar polémicas e decidi intervir agora para que o meu post possa ser no minimo positivo e didáctico, pois mesmo sendo um iniciado nesta arte com 1 ano de percurso que é rigorosamente NADA sinto a necessidade de dar a minha opinião e espero que a minha opinião não seja polémica mas que possamos discutir agradávelmente e de forma didáctica o assunto...

Acho que todos os utilizadores incluindo o próprio Vitor já entenderam o erro que aqui foi cometido e em nada tem a ver com o corte superior, com o brote do lado esquerdo ou com a casca do lado direito com o sistema radicular ou com alguma opção estética, o erro aqui cometido que neste último ano tenho visto vezes sem conta é que a verdade é que o Vitor não tem capacidade nem conhecimento para recolher uma árvore e esse é o ponto crucial, logo se ele próprio diz que de Bonsai percebe zero não deveria ter feito Yamadori.

Digo isto porque não se fazem as perguntas depois de recolher, estudasse antes de recolher para que na recolha e no pós-recolha as poucas dúvidas que possamos ter sejam apenas apontamentos e possiveis modificações que melhorarem pequenos detalhe da recuperação da árvore. Acho que com um pouco de humildade o Vitor poderá reconhecer isso e erros todos cometem agora é preciso aprender e fazer por não voltar acontecer, aprender com o erro tentar recuperar esta árvore e a seguir estudar bastante para um dia quando tiver capacidade e conhecimento puder fazer Yamadori.

Muito sinceramente esperava este tipo de atitude da parte da administração e acho que deveriam pensar sobre este tipo de coisas, quando um utilizador que diz eu de Bonsai sei zero mas recolhi um sobreiro e agora? A árvore apresentada poderia dar um Shonin muito interessante e é um desperdicio para o próprio Vitor que poderia ter recolhido isto daqui a uns aninhos e ter uma bela árvore para apreciar durante a velhice e agora tem um problema nas mãos...

Pois peço desculpas aos mais sensiveis, mas isso não se chama Yamadori, chamasse sim matar arvores e isso para mim não tem nada a ver com a essência da arte e o amor à Natureza, pois acredito que se este assunto fosse tratado e falado abertamente possivelmente pessoas como o Vitor esperariam pela altura certa do seu percurso como bonsaista para um dia quando se sentissem com conhecimento e capacidade para o recolher o fizesse em total segurança para a árvore.

Abraço,
avatar
David Carvalho

Mensagens : 302
Data de inscrição : 09/11/2009
Idade : 37
Localização : Caparica/Portugal

http://itoigawa.wordpress.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Mario Eusebio em Qua Abr 28, 2010 3:04 am

Viva!

Eu não gosto muito de alimentar este tipo de discussões, mas sinceramente ainda não percebi o filme que se está a fazer em redor duma coisa tão simples.

David, acho que estás a ser dramático demais Smile, o que está em causa é a sobrevivência da árvore e a melhor forma de a manter viva.Sejamos pragmáticos, a melhor forma de a manter viva NESTE momento é não lhe tocar. Esta é a realidade pura e nua e dúvido que alguém que percebe um minimo de cultivo tenha dúvidas nisso Cool . E o Vitor para já está a conseguir fazer isso, portanto não podes acusa-lo de nada neste momento!

A questão secundária....se lhe fizer o corte que o Ivo propõe, a árvore morrerá? Dúvido...mas não tenho dúvidas que o melhor era não mexer.

O que o Ivo propõe, terá mais a ver com uma questão estéctica e de "aceleração" do projecto do que com a questão inicial.

A situação ideal e lição que se deve tirar deste post é que a recolha foi mal feita! Então que fazer? Crucificar o Vitor como o estás quase fazer Smile Ou tornar isto numa vertente didática e ensinar o que foi mal feito?

"Quem não tiver pecados que atire a primeira pedra"

Com alguma tristeza vejo o tema Yamadori ser quase sempre alvo de polémica, precisamente pelo mesmo ser um tabu e ás vezes castrado por quem o faz para que haja sempre mercado para as recolhas que se vão fazendo, eu sou contra isso, acho que não se deve fazer yamadori selvagem, mas não o tornemos numa falsa questão. Toda a gente sabe que é feito e muitas vezes, mal feito, então ensine-se e tente-se que o mesmo seja BEM FEITO, isso irá aumentar o sucesso nas recolhas, a qualidade e o número de árvores que cada individuo tem com potencial, logo levará á diminuição de exemplares recolhidos, pois ninguém tem capacidade "ad eternum" para acumular árvores nos seus espaços, agora se recolherem coisas sem potencial e/ou se as matarem, vão fazer 20, 30 ou mais recolhas todos os anos e nunca chegam a ter uma colecção de bonsai digna desse nome.

Ninguém nasce ensinado!

David, a administração não tem que castrar nem moderar estas situações, se o fizessemos, a utilidade deste post tinha sido nula, mais se o fizessemos muitos dirião que estavamos a usar a faculdade que temos como arma de arremesso e que eramos autoritários demais.

Existe um artigo sobre yamadori no site do Literati e que de forma simples, penso que explica, o tema yamadori, esse artigo deu o seu trabalho e levou o seu tempo a ser feito, cabe aos utilizadores que ainda são iniciados no tema, irem lá consulta-lo! Concerteza ninguém esperou para aprender o Abecedário, que as letras caissem do céu Smile e foram aprende-las, estudá-las vezes sem conta até as saberem Smile

Nós até sabermos andar caímos muitas vezes....eu já matei muitas árvores, para ganhar a taxa de sucesso que agora tenho e magoa-me de alguma forma que se possa afirmar de forma tão veemente que o individuo A ou B não tenha capacidade para isto ou para aquilo, se não o fizerem, algum dia vão saber que têm ou não capacidade para isso? A evolução da humanidade acentou na experimentação, hoje em dia andamos de carro, porque alguém chamuscou muitas vezes as mãos para por o motor de combustão a funcionar...e como este exemplo, há milhões....

O famoso provérbio, "não lhe dês um peixe, dá-lhe uma cana e ensina-o a pescar" aplica-se na perfeição ao que tenho vindo prá aqui a escrever...

A noção de "amor " pela natureza e conhecimento é muito relativa, David, por exemplo eu posso perfeitamente achar que Tu não tens tempo nem conhecimentos suficientes para tratar de sabinas com centenas de anos e que tem um valor inestimável e Tu ao fim de meia dúzia de meses de prática já te sentiste com capacidade para tratar de árvores com um cultivo complexo, podiamos estar aqui a crucificar-te por teres tomado essa decisão, pois não seria de todo descabido, mas no entanto (pelo menos oficialmente Smile) ainda não ouviste ninguém fazer isso. Eu estou consciente que o fizeste porque querias ter o melhor material possível! E aqui reside o busílis da questão, toda a gente tenta ter o melhor materil possível, tu com as tuas economias e levado pelo entusiasmo conseguiste comprar essas árvores, provavelmente o Vitor, não terá a mesma disponibilidade financeira para o fazer e da mesma forma levado pelo entusiasmo, foi recolher esta árvore com o intuito de melhorar a sua colecção. Que vamos fazer?Recriminar...acho que não, mas sim alertar para os erros para que da próxima vez ele faça de forma diferente.

Resumindo o texto que já vai longo...Smile temos que pensar muito bem antes de acusarmos os outros, fazermos uma reflexão, porque qualquer um de nós, intervenientes neste tópico já fez se calhar "disparates" bem piores do que este, antes de sabermos andar, já gatejamos, já batemos muitas vezes com a cabeça, já fizemos asneiras, já matamos plantas, etc, etc...

O Ivo, apesar de já ter bastante experiência, pois conheço relativamente bem o seu percurso, já fez yamadori mal feito, já usou a palavra como arma de arremesso em muitos outros fóruns, quem já anda por aqui há algum tempo sabe disso e Tu Ivo também o sabes Smile, já matou muitas árvores e vai continuar a matar e todos vamos continuando por aqui, sem puxar pelos galões e tentar mostrar que somos os melhores do mundo, porque somos um grão de areia e de um momento para o outro fechamos os olhos e concerteza todos quereremos ser recordados pelos que fizemos, não pelas polémicas que produzimos.

Neste fórum ninguém castra ninguém, foi essa a condição primordial para que o projecto nascesse, ninguém controla o que os outros dizem, desde que dito com justeza e dentro das regras da boa educação, não nasceu para enaltecer nem promover ninguém, aqui deveremos ser todos apenas amantes do bonsai no dia em que isso for adulterado não teremos a miníma dúvida nem problema em fechar este espaço. O principio do utilizador participativo nasceu precisamente para isso, para falarmos apaixonadamente de bonsai e não para virem aqui cuscar se o fulano X ou Y já é melhor que eu ou tem melhor árvores que eu... Evil or Very Mad Gostava de salientar a toda a comunidade que, BONSAI SÃO ÁRVORES e não pessoas, o que verdadeiramente interessa aqui é a beleza das árvores e não a mestria de quem as faz

Um bem haja a todos e espero que seja a humildade a tornar as pessoas Grandes e não a sua Vaidade!

_________________
Cumprimentos

Mário Eusébio

Mario Eusebio

Mensagens : 1076
Data de inscrição : 27/10/2009
Idade : 44
Localização : Porto

http://marioeusebio.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Nuno Encarnação em Qua Abr 28, 2010 4:04 am

Viva!
Não vou entrar em mais discussões sobre a ética do yamadori, pois já tenho a minha dose de outras guerras. Mas adianto que assino por baixo o que o Mário disse.

A minha contribuição é um pouco mais modesta e tem a ver com a questão do corte de ramos e troncos grossos. Muitas vezes, a intervenção com serras tem o risco de perturbar as raízes pela trepidação que provoca. Enquanto que numa planta bem estabelecida, isso não envolve grandes riscos, numa planta recém-recuperada ou com maiores dificuldades no enraizamento, isso pode resultar em danos mais graves no sistema radicular e pôr em risco a sobrevivência da mesma. Sei que isto não é novidade para a maioria dos utilizadores do fórum, mas é apenas uma forma de enquadrar a minha contribuição.

Há uns tempos, no blog do Hans van Meer vi uma referência ao uso de um corta-ramos como alternativa mais segura quando se quer retirar um ramo mais grosso com o mínimo risco para as raízes. Ele considerava que o uso dessa ferramenta permite um corte mais limpo e uma intervenção mais rápida do que qualquer outra alternativa. Posso garantir que de facto, quando os ramos o permitem, isso é mesmo assim e acho que se torna uma boa alternativa ao uso da serra em determinadas situações. É mais rápido, mais limpo, envolve menos esforço e tem menores riscos para as raízes da planta.



Última edição por Nuno Encarnação em Qua Abr 28, 2010 4:13 am, editado 1 vez(es)

Nuno Encarnação

Mensagens : 147
Data de inscrição : 06/11/2009
Idade : 41
Localização : Portimão

http://al-garb-bonsai.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Pedro G C Almeida em Qua Abr 28, 2010 4:07 am

Olá Nuno,

Desconhecia a ferramenta, obrigado pela partilha.

Penso que pode ser uma boa opção para o Vitor, se ele decidir avançar com o corte nesta fase.

Um abraço,
Pedro

_________________
http://koyobonsai.blogspot.com/

The shroud of the dark side falls
avatar
Pedro G C Almeida

Mensagens : 460
Data de inscrição : 27/10/2009
Idade : 38
Localização : Funchal/Madeira

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Pedro G C Almeida em Qua Abr 28, 2010 8:42 am

Olá Pessoal,

Movi as mensagens off-topic para um tópico novo onde se poderá continuar a falar sobre o yamadori e a ética - encontra-se no Cultivo e Fitossanidade.

Aqui continuemos a falar sobre o sobreiro do Vitor.

Cumprimentos,
Pedro

_________________
http://koyobonsai.blogspot.com/

The shroud of the dark side falls
avatar
Pedro G C Almeida

Mensagens : 460
Data de inscrição : 27/10/2009
Idade : 38
Localização : Funchal/Madeira

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Vitor Meireles em Qua Abr 28, 2010 11:56 am

Ola a todos...

Mais uma vez agradeço os comentários e principalmente a sinceridade, pois de certa forma já esperava que o uso da palavra yamadori por um leigo iria exaltar os ânimos, o que peço desde já desculpas Exclamation

Em relação ao artigo do Mário, ele foi lido por mim e tomado em consideração antes de fazer a recolha da planta... Devia ter me informado melhor sobre a espécie e altura de recolha e não o fiz! Não tenho vergonha de admitir os meus erros pois aí se vê o bom carácter das pessoas Exclamation Mas quem já fez yamadori e quem trabalha com plantas (não é comprar uma boa planta ja estilizada e fazer lhe umas podas) sabe que nem sempre as coisas correm como vem nos artigos e nas revistas... Por vezes a teoria falha! O que foi o caso na altura, a meio da operação as coisas começaram a correr de forma diferente do artigo o que devia fazer, deixa-la lá assim a meio Question Isso seria condena-la a uma morte certa, ninguem tem duvidas Exclamation
Já lá vai meio ano e os rebentos que começaram a despontar ha duas semanas crescem de dia para dia a olhos vistos Exclamation Será só reservas de energia e daqui a uns meses morrerá Question Não sei e acho que também ninguem o sabe, é esperar para ver e até lá acho que ninguém me pode condenar por assassínio premeditado!

Se vier a morrer será a primeira e não será a ultima! É importante ler e estudar sobre os assuntos, estou certo disso, mas eu aprendo melhor com as mãos e com os olhos... E não será por causa desta confusão todo que vou deixar de trabalhar no pouco e mísero material que tenho, (que para mim tem muito valor pois as plantas estão a começar do zero, não vêem já formadas porque dessa maneira qualquer cromo pode ter uma boa colecção) e de explorar e aventurar-me porque se não como saberei quando estou pronto Question

Para o futuro do sobreiro vou seguir a opinião do Mário e do Rui Ferreira e vou deixa-la como está...

Cumprimentos e obrigada...
avatar
Vitor Meireles

Mensagens : 11
Data de inscrição : 06/11/2009
Idade : 30
Localização : Carvalhosa - Paços de Ferreira

http://experienciabonsai.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Pedro Nascimento em Qua Abr 28, 2010 12:06 pm

olá vitor,
ora essa,não tens de te desculpar por nada Smile
não te preocupes que eu também não Razz
boa sorte na recuperação desse sobreiro Wink já tem nome?
se vingar já tenho um nome para ele Laughing
abrç...
avatar
Pedro Nascimento

Mensagens : 323
Data de inscrição : 08/11/2009
Idade : 40
Localização : Póvoa de Santa Iria/Portugal

http://pedrosaikoi.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

...

Mensagem  David Carvalho em Qua Abr 28, 2010 12:15 pm

Vitor,

O que exalta os meus ânimos não é a palavra Yamadori, pois essa é uma arte que admiro quem o faça em condições e com total conhecimento do que está a fazer, respeito e compreendo a sua complexidade e é devido a compreende-la e a coloca-la regularmente como matéria de estudo que a respeito tanto pois não é preciso ler muito para entender que cada espécie tem requesitos muitos próprios e muitas dessas espécies uma pequena falha pode ser fatal...

"Se vier a morrer será a primeira e não será a ultima!" esta tua frase demonstra o teu respeito perante as árvores e demonstra-me que não aprendeste com este teu primeiro erro.

Não é preciso sacrificar árvores atrás de árvores para aprender a fazer Yamadori...
avatar
David Carvalho

Mensagens : 302
Data de inscrição : 09/11/2009
Idade : 37
Localização : Caparica/Portugal

http://itoigawa.wordpress.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Vitor Meireles em Qua Abr 28, 2010 12:16 pm

O Renegado Exclamation lol!

Mas estou curioso para saber o teu?
avatar
Vitor Meireles

Mensagens : 11
Data de inscrição : 06/11/2009
Idade : 30
Localização : Carvalhosa - Paços de Ferreira

http://experienciabonsai.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Vitor Meireles em Qua Abr 28, 2010 12:21 pm

Quando me referia que não seria a ultima não me estava a referir a yamadori!
Estou certo que como estou a iniciar, algumas plantas me vão morrer, como o Mário disse toda a gente mata plantas, até mesmo a ti um dia irá acontecer de certeza Exclamation
Não faço de proposito e nunca farei Exclamation Mas é a lei da vida, nasce, vive e morre e quanto a isso não se pode fazer mutio Exclamation
avatar
Vitor Meireles

Mensagens : 11
Data de inscrição : 06/11/2009
Idade : 30
Localização : Carvalhosa - Paços de Ferreira

http://experienciabonsai.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quercus Suber yamadori

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum